terça-feira, 27 de julho de 2010

Um ser sem alguma coisa...

Hoje perdi uma parte de mim...
4 anos de indefinições...confusões, dúvidas...inquietações.
Medo talvez do amanhã sem esquecer que a atmosfera do hoje por si só já causa bastante calafrios.
incertezas...
o “se” já começa a povoar a mente...
opiniões aglomeram-se no ar.
Ainda não sabe o que fazer, qual a atitude deve tomar...afinal, seu futuro depende disso.
depara-se com o tempo a passar e a idade a se avançar...e nem ao menos sabe o que quer da sua vida.
Ou sabe, mas tem medo de enxergar.
Parte de si revela-se que o hoje não é o que sonhou para o seu amanhã.
Resolve enfim tomar atitude.
Descartar o que já não há pertence mais.
E faz o que a muito já devia ter feito.
Pega o que de si já não faz mais parte e joga em um balde de lixo.
Faz isso sem nem olhar para trás.
Afinal, aquilo já a fez perder muito tempo da sua vida...
e vai, com um sorriso imenso no rosto e um alívio interior que não sabe expressar em palavras...
sabe que o seus problemas podem estar apenas começando...afinal o futuro ainda é incerto.
Porém se livrou do que já não a pertencia mais.
E tornou-se um ser sem alguma coisa...

sábado, 17 de julho de 2010

O tempo – fator da razão e emoção – sabedoria!!!


Depois de tanto tempo sem escrever, me deu uma vontade súbita de exprimir, mais uma vez, o que estou sentindo...
Sabe, gosto de analisar o quanto eh engraçado a vida com suas mais misteriosas e indefinidas circunstâncias...
Vocês devem estar se perguntando o que de fato eu estou me referindo e logo adiante explicarei melhor....
É que a coisa por si só não faz sentido.
Amamos o perto sem sentir e só entendemos o verdadeiro sentimento na distância.
Ah quem diga, inclusive eu, que o tempo cura tudo, ou melhor, quase tudo, mas o que fazer quando você não tem tempo para esperar???
Às vezes esperamos tanto por uma coisa e de repente, quando jah não esperávamos mais essa bendita coisa acontece e jah não tem mais tanta importância assim...
Esperamos demais e no final não era tão importante assim, ou era, e com o tempo deixou de ser...
contraditório ou não é assim que as coisas acontecem na minha vida.
Sabe aquela pessoa que saiu da sua vida sem dar sequer uma explicação convincente e do nada, depois de tanto tempo lembra que você existe? Você fica se perguntando o porque de só agora??? Vai ver que não tinha e ainda continua sem ter explicação... mas você, apesar de ter esperado tanto por esse momento, e se fosse no fator de antes, teria tido tamanho importância; hoje, continua tendo, mas com um ângulo totalmente diferente – e ainda continua sendo bom!!!
Amores tornam-se amizades com o tempo e amizades tornam-se amores.
Hoje, tenho um novo amor que já não é tão novo assim, bem parecido com o que eu perdi mas com uma diferença – ele se completa, não se perde em um só amor, em um só caminho – ele tem reciprocidade!
E, não sei se é por displicência, ou até mesmo por não dar valor o que temos tão perto, mas eu só dou a verdadeira importância a meu complemento quando estar longe do meu alcance – me deparo com seu vazio e minha alma a suplicar pela sua presença...como você faz falta...
Já não consigo ficar um dia se quer longe de ti...queria demonstrar mais vezes o quanto você me faz falta...não sei porque eu não consigo...
Olhar nosso ninho vazio, apenas com seu cheiro e as lembranças – me faz querer deixar tudo de lado e correr ao teu encontro.
Saudades...oh, quantas...dói, machuca, fere...
Faço qualquer coisa pra que o tempo corra em busca de sua presença e me traga de volta – você!
Mô da minha vida, mô meu – AMO-TE!!!
Quanta coisa mudou quando você apareceu na minha vida...
Tantas mudanças, tanto amadurecimento...
Hoje as coisas estão mais claras, mas definidas...tenho certezas que antes não tinha...
Vous êtes venu et a changé ma vie...Aujourd’hui, c’est beaucoup mieux qu’avant – L’amour! (Você chegou e transformou a minha vida...hoje é muito melhor do que antes – amo!)
Esperando a sua volta com o coração na mão, suplicando pela brevidade do seu retorno...teu perfume a comtemplar meu nariz e teus braços me envolvendo em um eterno abraço – único e só nosso!!!